17/05/2010

Ética, Moral e Valores

Série Competência Profissional - Capítulo 1

Objetivo: Gerar a reflexão e consciência prática sobre o importante papel da ética, da moral e dos valores.

Ética - O que é?

É uma ciência prática e normativa que estuda o comportamento dos homens, que convivem socialmente sob uma série de normas que lhes permitem ordenar suas ações, as quais o mesmo grupo social estabeleceu.

Estudo da Ética

Ética, do latim ethica, provém do grego "Ethikos", cujo significado é "caráter". A ética tem como objeto de estudo a moral e a ação humana.
A ética estuda a moral, e determina o que é bom, e a partir deste ponto de vista, como se deve agir. Ou seja, é a teoria ou a ciência do comportamento moral.

A Moral

"Esse político é corrupto", "Esse homem é pouco apresentável", "Sua presença é louvável". Nestas declarações aparecem os termos "corrupto", "pouco apresentável" e "louvável" envolvendo avaliações de moral.

Conceito de Moral 

A palavra Moral tem sua origem no termo do latim "mos, moris", cujo significado é "costume".
Conjunto de costumes, crenças, valores e normas de uma pessoa ou grupo social, que funciona como um guia para o trabalho, ou seja, que orienta sobre o bem ou mal - certo ou errado - de uma ação.

Conjunto de regras e normas de ações, destinada a regular as relações dos indivíduos em uma comunidade.

Diferenças entre Ética e Moral

Ética e moral são discutidos com igual significado. No entanto, em um nível intelectual, enquanto que "a moral tende a ser particular, pela concretude de seus objetos, a ética tende a ser universal, pela abstração de seus princípios.

Ato Moral

Todo ato realizado pelo homem está sujeito a aprovação ou sanção dos demais.
Amoral - Sem moral
Imoral - Que vai conta a moral

Os Valores

Os valores são características morais que todas as pessoas possuem, tais como a humildade, a piedade e o respeito.

Conceito de Valor

Se considera "valor" aquelas qualidades ou características dos objetos, das ações ou das instituições, selecionadas ou eleitas de maneira livre e consciente. Servem ao indivíduo para orientar seus comportamentos e ações, na satisfação de determinadas necessidades.

Importância

Os valores são o que orientam a nossa conduta, com base neles decidimos como agir diante das diferentes situações que a vida nos impõe.
Se relacionam principalmente com os efeitos que tem sobre o que fazemos para as pessoas, para a sociedade ou em nosso ambiente geral.

Suas principais funções são:

    * Motivam, impulsam a ação, dizem o quê fazer.
    * Dão significado aos comportamentos e os legitimam.
    * Servem como guia e orientação.

A questão dos valores, da ética e da moral, está muito vinculada com a dos direitos e obrigações do cidadão e do ser humano em geral, por esta razão, ensinar os valores preparará as pessoas para que suas decisões, atitudes e ações sejam respeitosas e responsáveis, para si e para os demais.

Cultura

A cultura é o conjunto de todas as formas e expressões de uma determinada sociedade. Como tal, inclue costumes, práticas, códigos, normas e regras da maneira de ser, vestimenta, religião, rituais, comportamento e crenças. De outro ponto de vista, pode-se dizer que a cultura é toda a informação e habilidade que possui o ser humano.

Mudança Social

Uma mudança social é uma alteração da estrutura do sistema estabelecido, e as conseqüências e manifestações, dessas estruturas ligadas as normas, aos valores e as mudanças internas e/ou externas, produto das mesmas.

Identidade

Conjunto de características próprias de um indivíduo ou de uma coletividade que os caracterizam frente aos demais. Consciência individual ou coletiva que tem de ser ela mesma e distinta das demais.

Costume

Um costume é uma prática social enraizada. Geralmente se distingue entre bons costumes, aqueles que contam com a aprovação social, e os maus costumes, que são relativamente comuns, porém não possuem a aprovação social, e as vezes, leis são promulgadas para tratar de modificar a conduta.

Hábitos

O hábito é qualquer comportamento repetido regularmente, que requer um pequeno ou nenhum raciocínio e é aprendido, ao invés de congênito.


Você pode ler todos os artigos desta série Clicando Aqui

Texto traduzido. Original de Carlos de La Rosa Vidal

3 comentários:

Anônimo disse...

legal esso site so fala vdd

Anônimo disse...

me ajudou muito em um trabalho ! otima a postagem

Anônimo disse...

Muito bom o conteúdo! Resumido, porém muito relevante!

Postar um comentário